quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Galeria de arte


    Cíntia Cardoso

    Mais uma postagem da série Galeria de arte, em que procuro divulgar o trabalho artístico de meus amigos portadores de esquizofrenia. Como sempre costumo dizer, existe uma relação bem intima entre a "loucura" e as artes em geral. Talvez essa relação aconteça por causa de uma qualidade em comum entre a arte e a loucura, que é a sensibilidade. Ao longo de anos de observação, pude perceber que as pessoas mais sensíveis talvez estejam mais propensas a algum tipo de transtorno mental do que os que tem pouca sensibilidade, e são chamados de mais "fortes". E, para ser artista, nem é preciso dizer que se tem que ter muita sensibilidade...
    No meu caso em particular, desde pequeno me apeguei à leitura, viajava em qualquer livro que encontrava na estante. A música também sempre esteve presente, e trabalhei a minha vida inteira como operador de som. Era uma alegria trabalhar com bandas, música, shows, festas. Só não gostava de trabalhar em eventos com muita formalidade, em que não havia música, só pessoas falando. Era um martírio quando tinha que fazer algum evento dentro da Usiminas, na cidade de Ipatinga...
"Segredo de Eva", escultura em argila
    Quem expõe seus trabalhos desta vez é uma amiga virtual, de São Paulo. E nada melhor do que ela própria para se apresentar:

    "Meu nome é Cíntia Cardoso dos Santos, curso Artes visuais na Instituição de ensino Cruzeiro do Sul em S.P, sou diagnosticada com esquizofrenia neuro psicótica cid F24 desde os meus 26 anos. 
Em minha obras costumo retratar o que eu vivo. A vida de um esquizo é difícil pois tenho fazes que eu consigo me cuidar, relacionar estudar trabalhar e muito mais, e há momentos de total psicose nestes eu fico dentro de casa e não falo com ninguém até passar, a arte me ajuda muito pois faz passar esta paranoia e outros sintomas por alguns instantes. O meu conselho para quem tem este diagnostico e para quem não tem: nos momentos que não estiver em surto tentar fazer um quadro de rotinas coloca na parede e escreva o que vc tem que fazer todos os dias e inclua momentos de lazer e o que você  gosta de fazer, se afaste do que te faz mal, por que você também é gente e respeite os seus limites por que assim crescemos como seres humanos". 
"Bem arguido" esboço para tela em lápis de cor
Duas vidas                                                                                      Litigio 
Meu diário (esboço)                                                                                Auto retrato
"Baby Toy", escultura em argila 

   É isso ai, quem estiver afim de apresentar seu trabalho é só entrar em contato comigo, pelo blog ou através do email juliocesar-555@hotmail.com  Não é necessário ser somente pintura, qualquer atividade cultural é bem vinda, como poesia, textos, música, esculturas, etc. 

10 comentários:

  1. Parabens!!! Muito belas as Artes!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, arte e o que a sociedade chama de "loucura" tem tudo a ver.

      Excluir
    2. Nossa! Obrigada, fico muito feliz pelo incentivo. :)

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  2. Nossa adorei todas. são imagens que não tem como, não para e fazer uma grande reflexão sobre o nosso próprio "Eu". Amei, essa artista esta de Parabéns.. to sentindo cheirinho de sucesso no ar!!

    ResponderExcluir
  3. q legal me indentifiquei com as suas pintura intendi um pouco da mensagem visual muito do que passo e isso tbm kkkk legal sempre superar essa e manera mais facil ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Julio, pela sua critica positiva, quando tiver alguma leitura pode postar aqui, quero saber qual foi a sua visão artística. bjs :)

      Excluir
  4. Maravilhoso. Arte genuína, tocante, muito simbólica. Parabéns!

    ResponderExcluir